Filosofia e Sociologia!

Existe nas escola uma prática, que visa resolver efetivamente um problema, que é contratar um professor que leciona as duas disciplinas de Filosofia e Sociologia. Não sendo incomum o mesmo docente também trabalhar com História.

Mesmo considerando que o docente tenha formação nos três campos ou em dois(Filosofia  e Sociologia), penso que os alunos irão perder em um dos conteúdos. Será comum um desses campos do saber prevalecer na prática docente desse professor que se dispõe a ministrar até três matérias.

Pessoalmente já recusei outras matérias exatamente pelo fato de que irei vestir a todas com os dilemas da Filosofia. Tal simplificação das áreas de saber contribui apenas para aulas sem graça, sem aquela paixão que faz um bem danado não só ao professor mas, sobretudo aos alunos.

No caso da Filosofia e Sociologia, matérias retiradas do currículo lá pelo ano de 1972 e só retornou em 2008, o prejuízo pode ser grande. Pode-se criar no imaginário dos adolescentes de Ensino Médio uma visão equivocada da matéria; impedido-o de aproveitar esses dois campos nos vários cursos universitários que irão fazer. Desde o tradicional Direito, mas em Psicologia, Relações Internacionais,  Ciência do Consumo, etc. São campos do saber altamente em voga nas novas modalidade de trabalho que o mundo da informática tem demandado; Por isso e muito mais, penso que o professor deve escolher um campo; resolver o problema econômico dessa forma é flertar com a dilapidação da importância que a formação tem que ter.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Elle

Instrução de Companheiro Maçom

10 motivos para você não ser maçom