Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2018

A grande agricultura

Imagem
Prof. Me. Cídio Lopes https://profes.com.br/cidiolopes (aula particular de filosofia) Introdução Esse texto dará umas voltas, mas no final chega no problema da agricultura que não sabe observar a terra, mas se fia unicamente na mente cartesiana associada a cabeças de financistas. O erro de cálculo na Agricultura Sobre agricultura em geral existe um problema de linguagem semelhante á um problema da física. Na verdade, eu diria que é mais uma metáfora o que vou comparar e como tal, tem seus limites. Em física é escolar que no universo para além dos corpos celestes há a tal matéria “escura”, isto é, corpos que não os notamos, mas que através de interferências em cursos de outros corpos passamos a detectá-los. (Vera Rubin entre outros astrofísicos como referência para o tema). Dessa metáfora passo a duas outras e ao final, dessa digressão, espero chegar ao tema da agricultura. Adotamos em matéria de “Teoria do Currículo”, a área das ciências da educação destinada

O fundamentalismo

Imagem
Prof. Me. Cídio Lopes https://profes.com.br/cidiolopes   (aula particular de filosofia) Fundamentalismo não é uma coisa que apenas a “direita” pratica ou que seja algo que só um “islâmico” possa ser. Ser pessoa ou grupo fundamentalista perpassa qualquer ideia de direita e esquerda, como essa ou aquela religião. Lembrando que direita e esquerda surgiu por ocasião dos pós-Revolução Francesa (1789). Grosso modo, é se apegar a um fundamento e a partir do qual tudo será relacionado; tudo mesmo, a política, a justiça, as regras cotidianas de vida, a moral, a educação, a ciência, etc. Nesse sentido, os USA é um país fundamentalista, pois sua constituição e ideal de país é baseada em fundamentos cristãos, bíblicos. (VER MAIS POR VOLTAIRE SCHELING). O fundamentalismo, como as palavras terminadas em “ismos” indicam redução a algo, é a forte ligação de qualquer coisa a dados princípios ou radicais (fundamentos). Nessa força e preocupação em dizer que o presente deve ser “desse j

Coxinha vs Mortadelas

Imagem
Prof. Me. Cídio Lopes No debate político quando simplificamos e reduzimos o outro em estereótipo, tais como coxinha, perdemos, pois, a vida humana é essencialmente relação. Se relacionamos com algo simplista, seremos tão simplistas como esse outro.   E a vida humana é sempre mais humana na medida em que diversifica, que cria pluralidade, etc. Antônio Paim, um renomado filósofo brasileiro, ao fazer, por exemplo, várias digressões sobre o autoritarismo e, consequente crítica à esquerda do Brasil, não está de todo equivocado. O pensador em questão viveu e experimentou o comunismo russo, estudou filosofia na Universidade Lomonosov em Moscou, e tem, portanto, outro olhar vivencial sobre aquele regime. Não podemos, por lado, dar outro salto, agora para a direita. O radical nesse processo é sabermos que a multiplicidade das coisas nunca poderá ser reduzida. As teorias e as práticas políticas não são diferentes. Partimos do fato concreto de que todos nós, com ex