Haiti.



Na época do terromoto em Porto Principe, capital do país caribenho, houve comoção geral entre os brasileiros. A Maçonaria não ficou de fora e logo adotou para sim a moda de momento.

Lembro-me de ter escrito nesse  blog os cuidados que deveríamos ter, pois o país que fala francês e primeiro a ter uma revolução negra tinha uma história recente complexa. E o mais absurdo era que sua atual miséria era plantada pelos USA.

Como se sabe, Haite é lugar estratégico para os USA. Seja no que toca a Cuba ou no Canal do Panamá.

Enfim, eis a pergunta. Cadê os maçons com suas campanhas?

Participar da política tem dois jeito. Como parte do jogo, onde se joga ou como joguete do Poder. A maçonaria que se sente parte do Poder e deseja fazer parte dele, se equeceu que é preciso haver qualficação. Caso contrário, se é apenas curral eleitoral. Lugar de voto de cabresto.

AMF

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Elle

Instrução de Companheiro Maçom

10 motivos para você não ser maçom